Inovação com ergonomia gera resultados positivos na produção

Todos os dias escuto no rádio, tv ou leio no jornal, que o Brasil precisa investir em inovação, as mídias nos aconselham que é necessário planejar para gerar mais condições de superar as agruras do mercado e manter a empresa firme, sempre em frente, de preferência para cima, além do limiar dos custos que sobrecarregam as empresas no Brasil. O objetivo é um só, superar as crises e manter-se no mercado. Por isso, inovar é um conceito importante!

Pois bem, o que é inovar? Construir uma máquina nova, elaborar um novo sistema de produção, criar uma nova fórmula? Sim, com certeza esses são exemplos de inovação, tecnológica inclusive.

O conceito de inovação é bastante variado, dependendo, principalmente, da sua aplicação. O Ministério do Trabalho tem oferecido uma série de normas regulamentadoras, que se fossem aplicadas com o objetivo de melhorar as condições de trabalho, seria um enorme avanço inovador.

Inovar é mais simples do que investir milhões de reais em um novo produto ou serviço. Inovar pode ser a partir da capacidade que temos de pensar, de usar a nossa criatividade com metodologias adequadas para resolver os problemas do dia-a-dia. Por isso que inovação pode ser também definida como fazer mais com menos recursos.

Por exemplo, inovar na saúde da sua empresa é permitir ganhos de eficiência em processos e colocar em prática métodos como a análise biomecânica do movimento, análise do tempo de produção, análise do processo produtivo, quer na fábrica, quer no setor administrativo ou financeiro. Com um programa de qualidade de vida, a elevação da competitividade se dá pela diminuição das doenças ocupacionais, faltas no trabalho, e melhor aproveitamento do tempo. A inovação quando cria aumentos de competitividade pode ser considerada um fator fundamental no crescimento econômico de uma sociedade.

Na ERGOSALUTE nossa missão é promover o estudo das condições reais de trabalho de homens e mulheres e elaborar recomendações ergonômicas para melhorar os locais de trabalho, garantindo maior segurança, conforto e eficiência aos trabalhadores e com isso, multiplicar a capacidade empreendedora de cada individuo dentro da empresa.

Em uma pesquisa, Júlia Abrahão, da Universidade de Brasília, fala da reestruturação produtiva e variabilidade do trabalho, com base em uma abordagem ergonômica, deixando claro que desvendar o caminho pelo qual o operador constrói os problemas com os quais é confrontado pode constituir uma alternativa para melhor explicar os erros e acidentes do que, simplesmente, identificar as condições sob as quais os problemas são resolvidos. Desta forma, salientamos a contribuição da análise ergonômica do trabalho que pode gerar recomendações nesta direção, pois ela possibilita a compreensão das estratégias de construção do problema. Existem limitações da organização do trabalho que podem ser elementos a serem incorporadas em um treinamento dos trabalhadores sobre o conceito de explicar porque os erros acontecem no trabalho.

Na história humana, conhecer sempre foi a melhor forma de evitar os mesmos problemas. Hoje vemos a tecnologia apontando para a saúde fatos inovadores que podem ser utilizados para um ótimo desempenho na empresa, o investimento em capacitação das pessoas em saúde. Todos nós temos conhecimento que alimentação e exercício físico faz bem á saúde, esse é um exemplo que que o maior problema não é a aplicação da solução, mas a integração das pessoas envolvidas ao sentirem-se como parte do processo de construção da empresa.

Investir em saúde do trabalhador é inovar, investir em um planejamento organizado para toda a empresa, com atividades diretas para o fortalecimento de conceitos e atitudes que envolvam a melhora dos aspectos físicos, psicológicos, do nível de independência, das relações sociais, da dimensão ambiental e da religiosidade é inovar em qualidade de vida.

É nesse contexto que a ergonomia trabalha, é com vida que trabalhamos.

Que esse seja um bom dia na sua vida!

 

Marco Antonio Sant´Ana é consultor em Ergonomia e Saúde do Trabalhador da Sant´Ana Associados Ltda. (44) 9961-5961